Notícias

Uso estratégico de redes sociais em campanhas

A capacidade de mobilização das redes sociais – evidenciada durante a onda de protestos em todo o país, que teve na internet um dos seus principais agentes propagadores – fez com que as ferramentas digitais ganhassem mais peso na estratégia dos pré-candidatos à presidência em 2014. Para dialogar diretamente com o eleitorado na rede, os políticos estão ampliando sua presença na web e investindo em novas táticas virtuais, como destacou o jornal Diario de Pernambuco, em matéria publicada no último dia 8 de dezembro.

De acordo com o jornal, a presidente Dilma Rousseff (PT), o governador Eduardo Campos (PSB) e o senador Aécio Neves (PSDB) apostam na presença intensiva no Twitter e no Facebook. A reportagem entrevistou profissionais de comunicação dos partidos e reuniu dados contundentes para mostrar a construção da ‘teia virtual’ dos candidatos.

Entre as principais ações para aproximação com os internautas, o jornal cita a página do Palácio do Planalto no Facebook, lançada em novembro, com o objetivo de promover o debate com a população sobre as atividades do governo e os cinco pactos (reforma fiscal e política, saúde, educação e transporte público) propostos como resposta à voz das ruas. Em setembro, a presidente Dilma já havia retomado a conta no Twitter, parada há quase quatro anos, com uma ação de divulgação que promoveu uma conversa entre ela e o fake ‘Dilma Bolada’. Pouco após a retomada, a petista superou a marca de 2 milhões de seguidores, sendo um dos perfis de políticos mais seguidos do mundo, à frente de nomes como o ex-presidente dos EUA, Bill Clinton.

A matéria também destaca o uso de outras ferramentas e plataformas digitais, como portais, que estão sendo criadas para propagação das ideias e propostas de campanha. Em novembro, o PSB/Rede lançou uma plataforma digital (Portal Mudando o Brasil) que permite contribuições, críticas e elogios às propostas apresentadas. Uma estratégia semelhante também foi adotada por Aécio, que lançou o site Conversa com os Brasileiros, onde responde a perguntas dos usuários.

Estratégia – Para além da quantidade de seguidores e curtidas, a eficácia da utilização desses canais depende de uma estratégia bem estruturada. Oferecendo assessoria política e consultoria de tecnologia para partidos, a Paradox Zero desenvolve planejamentos e ações para redes sociais com conteúdo direcionado ao público-alvo, gerando interação e engajamento real dos usuários.

Saiba mais sobre a presença dos presidenciáveis na web

(Com informações do Diario de Pernambuco)

Eduardo Campos (PSB) O socialista acessa diariamente o Facebook e o Twitter. São as mídias sociais nas quais ele interage com os internautas. Responde perguntas, esclarece dúvidas sobre questões relativas ao seu governo, incluindo as críticas, além das propostas que defende para o país. O PSB lançou o Portal Mudando o Brasil, uma ferramenta onde as pessoas podem opinar, criticar e sugerir novas ideias às propostas apresentadas pelo PSB/Rede no documento síntese que deverá moldar o programa de governo de Eduardo na campanha de 2014.
www.mudandobrasil.com.br
Página do Facebook – 167. 372 curtidas
Twitter – 9.683 seguidores (@eduardocampos40)

Dilma Rousseff (PT) Além do perfil no Facebook e do Twitter, a presidente Dilma Rousseff conta com mais uma ferramenta para interagir com os internautas. A Presidência da República colocou na rede social Facebook a fanpage do Palácio do Planalto. A ideia é abrir mais um espaço para as pessoas acompanharem de perto as atividades do governo federal.
www.facebook.com/PalacioDoPlanalto
Página do Facebook – 131.006 curtidas
Twitter – 2.061.607 seguidores (@dilmabr)

Aécio Neves (PSDB) No site Conversa com os Brasileiros, o senador Aécio Neves conta com um espaço para dialogar com os internautas. Na plataforma digital, as pessoas deixam suas perguntas que são respondidas por Aécio, além de prefeitos, parlamentares e lideranças do partido.
www.conversacombrasileiros.com.br
Página do Facebook – 233.158 curtidas
Twitter – 27.421 seguidores (@AecioNeves)A capacidade de mobilização das redes sociais – evidenciada durante a onda de protestos em todo o país, que teve na internet um dos seus principais agentes propagadores – fez com que as ferramentas digitais ganhassem mais peso na estratégia dos pré-candidatos à presidência em 2014. Para dialogar diretamente com o eleitorado na rede, os políticos estão ampliando sua presença na web e investindo em novas táticas virtuais, como destacou o jornal Diario de Pernambuco, em matéria publicada no último dia 8 de dezembro.

De acordo com o jornal, a presidente Dilma Rousseff (PT), o governador Eduardo Campos (PSB) e o senador Aécio Neves (PSDB) apostam na presença intensiva no Twitter e no Facebook. A reportagem entrevistou profissionais de comunicação dos partidos e reuniu dados contundentes para mostrar a construção da ‘teia virtual’ dos candidatos.

Entre as principais ações para aproximação com os internautas, o jornal cita a página do Palácio do Planalto no Facebook, lançada em novembro, com o objetivo de promover o debate com a população sobre as atividades do governo e os cinco pactos (reforma fiscal e política, saúde, educação e transporte público) propostos como resposta à voz das ruas. Em setembro, a presidente Dilma já havia retomado a conta no Twitter, parada há quase quatro anos, com uma ação de divulgação que promoveu uma conversa entre ela e o fake ‘Dilma Bolada’. Pouco após a retomada, a petista superou a marca de 2 milhões de seguidores, sendo um dos perfis de políticos mais seguidos do mundo, à frente de nomes como o ex-presidente dos EUA, Bill Clinton.

O perfil de Dilma no Facebook tem mais de 2 milhões de seguidores

O perfil de Dilma no Facebook tem mais de 2 milhões de seguidores

A matéria também destaca o uso de outras ferramentas e plataformas digitais, como portais, que estão sendo criadas para propagação das ideias e propostas de campanha. Em novembro, o PSB/Rede lançou uma plataforma digital (Portal Mudando o Brasil) que permite contribuições, críticas e elogios às propostas apresentadas. Uma estratégia semelhante também foi adotada por Aécio, que lançou o site Conversa com os Brasileiros, onde responde a perguntas dos usuários.

Estratégia – Para além da quantidade de seguidores e curtidas, a eficácia da utilização desses canais depende de uma estratégia bem estruturada. Oferecendo assessoria política e consultoria de tecnologia para partidos, a Paradox Zero desenvolve planejamentos e ações para redes sociais com conteúdo direcionado ao público-alvo, gerando interação e engajamento real dos usuários.

Saiba mais sobre a presença dos presidenciáveis na web

(Com informações do Diario de Pernambuco)

Eduardo Campos acessa diariamente o Twitter e o Facebook

Eduardo Campos acessa diariamente o Twitter e o Facebook

Eduardo Campos (PSB) O socialista acessa diariamente o Facebook e o Twitter. São as mídias sociais nas quais ele interage com os internautas. Responde perguntas, esclarece dúvidas sobre questões relativas ao seu governo, incluindo as críticas, além das propostas que defende para o país. O PSB lançou o Portal Mudando o Brasil, uma ferramenta onde as pessoas podem opinar, criticar e sugerir novas ideias às propostas apresentadas pelo PSB/Rede no documento síntese que deverá moldar o programa de governo de Eduardo na campanha de 2014. www.mudandobrasil.com.br Página do Facebook – 167. 372 curtidas Twitter – 9.683 seguidores (@eduardocampos40)

Dilma Rousseff (PT) Além do perfil no Facebook e do Twitter, a presidente Dilma Rousseff conta com mais uma ferramenta para interagir com os internautas. A Presidência da República colocou na rede social Facebook a fanpage do Palácio do Planalto. A ideia é abrir mais um espaço para as pessoas acompanharem de perto as atividades do governo federal. www.facebook.com/PalacioDoPlanalto Página do Facebook – 131.006 curtidas Twitter – 2.061.607 seguidores (@dilmabr)

Aécio usa o site Conversa com os Brasileiros para dialogar com internautas

Aécio usa o site Conversa com os Brasileiros para dialogar com internautas

Aécio Neves (PSDB) No site Conversa com os Brasileiros, o senador Aécio Neves conta com um espaço para dialogar com os internautas. Na plataforma digital, as pessoas deixam suas perguntas que são respondidas por Aécio, além de prefeitos, parlamentares e lideranças do partido. www.conversacombrasileiros.com.br Página do Facebook – 233.158 curtidas Twitter – 27.421 seguidores (@AecioNeves)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *